“Como um Sonho” na Casacor Santa Catarina

Identidade e Essencialidade

Do balinês Seperti Mimpi, ‘Como um Sonho’, o espaço desenvolvido pelo arquiteto Leandro Sumar, para esta edição da CASACOR Santa Catarina traz para o ambiente tudo aquilo que é essencial. Conforto, transparência, design, arte e estilo de vida se misturam e ressignificam novas percepções de vida. “É como um sonho. Não vivo do surf, mas o surf me faz sentir vivo”, diz o autor.A inspiração na Indonésia não está apenas no nome. Cada canto do ambiente tem um significado especial tornando este quarto aconchegante, despojado, leve e com materiais sustentáveis e naturais. A forma orgânica da natureza se manifesta nas curvas das paredes, do teto, no mobiliário, através do olhar do arquiteto.“Sempre pensei que em um projeto o que eu transmitia no processo e conclusão do trabalho era expressar, ou mostrar a minha identidade. Mas confesso que estava errado. Errado porque mudamos nossa identidade conforme o local que transitamos, …diferentes atmosferas e ambientes, depende do nosso humor, ou ainda, a identidade pode mudar com o momento, ou com o tempo. Começo a perceber então que transpareço a minha essência nos projetos, jamais podemos perder ou mudar, […] essência”, acrescenta Leandro.No ambiente de 27 m², Sumar escolheu o tom cinza de grafite com o efeito velvet para trazer um toque monocromático e exaltar as peças e mobiliário. O quarto foi totalmente humanizado, com peças de acervo pessoal e outra feita exclusivamente para o espaço, como o biombo Wabi Sabi, em collab com o designer Elaya.

A essência do espaço fica por conta das águas do mar e seus movimentos, retratado no quadro logo na entrada, e o teto como grande destaque, formando uma onda com madeira ripada.Leandro sempre relaciona seus projetos às obras de arte. No Seperti Mimpi a escolha foi pela obra de Lumardelli, com o rosto distorcido e a forma de como interpretar a aparência estética, e pelo quadro dos meninos Aukai Gyotaku, que utiliza de técnica japonesa para retratar a vida marinha.

Os visitantes do espaço são convidados a circular por ele, por isso Leandro Sumar criou um hall de entrada forçando a passagem pelo quarto, onde aproveita para despertar a curiosidade do expectador para uma parede com o retrato Fluir. Personalização e versatilidade são as palavras que descrevem este ambiente, onde a trilha musical de fundo expressa o estilo do arquiteto no seu Infinito Particular, tema proposto pela CASACOR neste ano.

Sumar descreve seu ambiente de forma quase poética. “Acordar, e a primeira coisa que faço é respirar, aliás respiramos o tempo todo, mas o tempo todo esquecemos que respiramos. Respirar é essencial. Levanto-me, olho-me no espelho e reconheço-me, então me aceito. Aceitar é essencial, aceitar a vida como ela é, pois a cada dia que você acorda será mais uma chance para viver. Viver todos os dias…”, finaliza.

Imagens: Rafael Ribeiro Visuals

Compartilhar

Comments

comments

Escrito por
Mais conteúdo de Hellen Fírmìno

Como transformar o box do banheiro em um Spa

Olá seguidores! Hoje vamos abordar um conceito que possibilita transformar o box...
Saiba Mais