Semana da criança: Esperando um bebê

Um presente divino que vem chegando para se tornar uma criança. Um bebê está sendo esperado para completar uma família, que já tem seu habitat, por isso o dormitório do bebê deve manter a personalidade e o estilo da sua casa. Ele vai chegar e precisa se sentir parte dela, então o quartinho do bebê deve se encaixar no contexto do lar, sem modismos, sem estilos estabelecidos, suavemente ter um tema, e acolher o bebê com cores, adornos e design que se encaixe no eixo da família. Estas são regras básicas para que tudo se encaixe perfeitamente, para que a espera seja plena e realmente curtida por todos.

Separei algumas imagens que exemplificam o que expus acima. São dormitórios contemporâneos que misturam peças com personalidade e até reverenciam algum estilo sem ser temático. Sempre impresso uma personalidade que provavelmente acontece no restante do lar, acolhendo também na arquitetura a chegada do novo membro da família.

bebe-1

Este traz alguns detalhes clássicos ao contemporâneo.

bebe-5a

Móveis clássicos em base clara e marcenaria atual.

bebe-3

Peças de design com muita personalidade envolvida.

bebe-2

Tudo muito clean e contemporâneo.

bebe-6aContemporâneo que agrega móveis provençais.bebe-10a

Divertido, colorido, com design atual, que pode se desenvolver com a criança.

bebe-4a

Personalizado com design exclusivo de mobiliário, agregando o lúdico.

bebe-8a

Básico com mobiliário reto e contemporâneo.

bebe-7a

Mais usual, traz móveis clássicos agregados a marcenaria.

bebe-12aCor e ousadia num projeto pensado para durar com muita personalidade.

Este dormitório deve se encaixar no habitat, simplesmente porque este bebê vai crescer e você terá que ir adaptando o dormitório para outras fases da vida dele. Você não via doar o que tem e sim agregar transformando o mundo da criança.

#ficaadica #ficadicasanova

Compartilhar

Comments

comments

Escrito por
Mais conteúdo de Hellen Fírmìno

Marina Linhares em encontro online

“habitar a casa preenchê-la de defeitos: almofadas pelo chão, móveis novos e velhos, uma descombinação, alguém passou...
Saiba Mais