Meu olhar: Reformar ou não peças antigas.

Olá, hoje o post traz um questionamento sobre peças antigas, afim de avaliarmos até onde vale investir no restauro.

Primeiro ponto importante que avalio sempre, é o valor sentimental que esta peça tem para o cliente. Quando ele me mostra a peça em questão para avaliarmos, e o seu olho brilha, ou ele me conta fatos importantes da peça, ou a história dele também é a da peça, eu acredito muito que já é uma relevância para mantê-la.

restauro

Depois avalio a sua funcionalidade no projeto, pois muitas vezes ela só se mantem como uma peça estática. Aí a avaliação caminha por outro aspecto, pois o espaço que ela ocupa pode ser preenchido por algo mais funcional. Às vezes podemos mudar a função deste móvel com alguma adaptação no restauro que valorize a sua utilização no ambiente….aí vale a pena!

restauro-2

Outro ponto a ser avaliado é sobre a sua restauração. O quanto ele está danificado, ou se a sua adaptação ou reforma agregaria pontos que desvalorizem a peça, e se o investimento financeiro compensa. Aí uma conversa muito franca com o dono da peça é muito importante para responder esta questão. Levando em conta todos estes aspectos pode-se fazer a escolha perfeita. Sempre priorizando o projeto e a história da peça. Pois sempre é muito interessante ter na ambientação peças com personalidade.Elas tornam os espaços ricos e únicos!

#ficaadica #ficadicasanova

Compartilhar

Comments

comments

Escrito por
Mais conteúdo de Hellen Fírmìno

DROPS: Casa Cor Santa Catarina 2015

A Casa Cor Santa Catarina este ano, fala muito de suas raízes...
Saiba Mais