Design Brasileiro em Casa

Design na concretude

A Casa LLF, localizada em São José dos Campos, interior de São Paulo, teve como premissa para a arquiteta Julliana Camargo, responsável pelo projeto de interiores, trabalhar mobiliários, revestimentos e materiais 100% brasileiros e com fornecedores próximos à residência. A inspiração, segundo a arquiteta à frente do Studio Julliana Camargo, veio da arquitetura e dos mobiliários brasileiros em madeira e ferro. “O cliente queria ter praticidade e uma casa para conviver com a família — o casal e seus dois filhos – e receber os amigos. Por isso, usamos e abusamos destes acabamentos, imprimindo um estilo moderno, descontraído, como o cliente e a arquitetura pediam”, explica a arquiteta Julliana Camargo.
As cores deveriam compor com a arquitetura, entre cinzas, madeira e preto. Da madeira, foi aplicado um pouco do cobre no lustre e no tecido da sala de jantar. No andar dos quartos, foram trabalhadas a cor na marcenaria, com um mix de cores para a área kids, que junto ao concreto ficou lúdico e divertido. Nos armários dos dormitórios a laca cinza marca presença, assim como o rosa e amarelo para o quartos das crianças. Um dos principais destaques dos materiais é o piso em cacos, usado no térreo de toda a casa, da área interna à externa, abraçando a casa sem interrupções. Outro destaque está nos banheiros, na união do concreto com o mármore e com a pastilha, detalhe este escolhido e pensado para que houvesse uma plena integração. Um desenho de marcenaria mais personalizado para a área intima foi criado para fugir da marcenaria mais convencional e a ideia foi buscar soluções práticas, seguindo a linha modernista da casa. Do lado externo, o projeto possui um lago que capta água das chuvas e irriga as plantas, escolhidas numa linha mais tropical e executada pela Panorama Paisagismo. Outros pontos adicionais de projeto, que o tornam ainda mais interessante no quesito automação, foram a instalação de um carregador de carro elétrico e um sistema de som e segurança em toda casa.Imagens: Evelyn Muller

 

Compartilhar

Comments

comments

Escrito por
Mais conteúdo de Hellen Fírmìno

Identidade Própria em 70m2

Memórias afetivas no decor do primeiro lar
Saiba Mais