Arqueologia do Futuro – Memória & Visão

A arqueologia referenciada em obras arquitetônicas, serve o futuro através da memória. Assim se faz a arquitetura de Tsuyoshi Tane, arquiteto nipônico destaque na cena mundial atual, traz para Japan House São Paulo a exposição  “Tsuyoshi Tane | Arqueologia do Futuro – Memória & Visão” fica em cartaz de 06 de agosto a 13 de outubro de 2019, e é um convite para um mergulho pelo processo criativo de desenvolvimento de projetos do profissional.

 

Instalada no segundo andar do centro cultural, a mostra retrata o universo criativo de Tane. Ao todo, serão apresentados 15 projetos – criados entre 2006 e 2019 – Todos os itens fazem parte do processo de trabalho desenvolvido por Tane, por meio do qual ele realiza uma pesquisa arqueológica, seguindo seu Manifesto ‘Arqueologia do Futuro’, em que ele busca histórias e referências locais para a elaboração de cada concepção, e que, de alguma forma, servirão como inspiração para o futuro. Dentro desta lógica, sua arquitetura manifesta as memórias do lugar como princípio norteador dos projetos.

Com curadoria do próprio arquiteto, a exposição em formato de pesquisa arqueológica foi pensada de forma a atrair e despertar os sentidos do espectador. “Tane tem uma filosofia arquitetônica muito especial, buscando a criação de lugares, e não de espaços simplesmente funcionais ou vazios. Lugares com memória e sentido, com capacidade para melhorar o futuro”, afirma Natasha Barzaghi Geenen, Diretora Cultural da Japan House São Paulo.

Para Tane, começar um novo projeto significa olhar para o mais longe possível da história daquele espaço.

“Escavo o passado para encontrar memórias que estão embutidas em lugares. É um processo de descobertas que constrói o futuro e, é isso que impulsiona nossa curiosidade. A partir do encontro com as memórias do local que foram esquecidas, apagadas ou desaparecidas pela modernidade, nascem os conceitos que conectam para futuro”, relata.

Incrível! Acreditamos e trabalhamos nesse conceito.

Esta exposição tem o apoio da TOTO Gallery MA.

 

Sobre Tsuyoschi Tane

O arquiteto japonês Tsuyoshi Tane tem, hoje, como sede do seu trabalho, a cidade de Paris. Formado em 2002, na Tokai University, em Hokkaido, Tane teve importantes experiências profissionais na Inglaterra, Dinamarca e Japão. O arquiteto fundou a Atelier Tsuyoshi Tane Architects em 2017, depois de ser co-fundador da DGT Architects em 2006. Ele é reconhecido por uma série de projetos e edifícios premiados, incluindo o Museu Nacional da Estônia, o Estádio Kofun para as Olimpíadas do Japão de 2020, a instalação LIGHT is TIME e outros. Tsuyoshi é considerado um dos mais importantes arquitetos japoneses da nova geração, a partir de sua arquitetura que manifesta a memória do lugar como princípio norteador dos projetos. Tal abordagem originou o conceito de “Arqueologia do Futuro”. Possui inúmeros prêmios e honrarias, incluindo o Prêmio de Arquitetura do Ministério da Cultura da França, o Grande Prêmio de Arquitetos Franceses 2017, o Grande Prêmio Estoniano de Cultura e além da indicação ao Prêmio Mies van der Rohe da União Europeia 2017 e o 67º Prêmio New Face do Ministério Japonês da Educação e Belas Artes. Atualmente, o arquiteto tem ministrado palestras e conferências, além de lecionar nas Universidade de Columbia/GSAPP (Escola de Pós-Graduação em Arquitetura, Planejamento e Preservação) e na Escola Superior de Design de Visual Merchandising (ESVMD) em Vevey, Suíça.

Comments

comments

Escrito por
Mais conteúdo de Hellen Fírmìno

Conheça algumas peças do designer Aristeu Pires

Na última quinta, aconteceu o OPEN HOUSE de natal no showroom do...
Saiba Mais